Criar canários pode se tornar uma doença?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Botão em Curso Criar canários pode se tornar uma doença?

Mensagem por MARTÍN em Sab 05 Jul 2014, 10:07

Crio canários desde a mais tenra idade e adoro fazê-lo, porém temo dizer que a resposta a esta pergunta seja SIM. Existe uma doença psíquica que altera o comportamento de tal forma que a pessoa passa a acumular de forma compulsiva objetos; utensílios e inclusive animais. Os chamados acumuladores tem  dificuldade de se desfazer dos objetos ou animais pelo quais são fascinados. A linha que separa o acumulador de um colecionador é tênue, mas bastante visível, o colecionador é organizado e objetivo, procura exemplares que complementem a coleção, trocando e barganhando os exemplares repetidos pelos que ainda não possui e o mais importante é que não tem dificuldade para se desfazer daqueles que não lhe são mais úteis.

O acumulador é desorganizado e tem dificuldade para se desfazer dos objetos ou animais que são de sua posse, o acumulo de objetos passa a ocupar todos os cômodos da casa de forma a torna-la inabitável. Quando o fascínio é voltado para animais como cachorros ou gatos, estes passam a fazer parte da vida do acumulador de forma a absorver todo o seu tempo no cuidado com os mesmo.

Podemos imaginar como é a vida de uma pessoa que tenta manter 40 cães ou 50 gatos dentro de uma casa pequena, não é difícil deduzir que as dificuldades começarão com a alimentação e a limpeza. O mau cheiro que inevitavelmente surgirá, irá invariavelmente afastar as pessoas do convívio com a pessoa vitima da doença.

Por outro lado haverá aqueles que, em razão do poder aquisitivo, poderão manter um canil ou viveiro de forma a criar de forma organizada os animais de seu agrado e isto só passará a ser um problema a partir do momento em que a estrutura organizada já não for suficiente para manter os animais em condições satisfatórias, este limite deverá ser observado e aceito pelo criador, caso contrário passará a ser um acumulador e sofrerá as dificuldades advindas da doença, com isolamento social.

O problema pode começar de forma quase imperceptível, a pessoa adquiri um casal de animais, estes dão a primeira cria, o criador não aceita se desfazer dos filhotes, pelo contrário adquiri outros para novos acasalamentos e dentro de pouco tempo o acumulo vai se tornando um problema insolúvel, contra o qual a pessoa se debate, algumas vezes por anos.

O mesmo pode acontecer com o criador de canários. Como saber quando a criação é algo salutar e quando passa a ser uma doença? É salutar quando a estrutura montada para a criação é suficiente para garantir condições sanitárias satisfatórias e o tempo do criador ou criadores é suficiente para cuidar das aves de forma a mantê-las saudáveis e confortáveis, sem que isto interfira com sua vida social e familiar. A partir do momento que você perde hora no seu emprego ou deixa de cumprir as atividades rotineiras de uma vida familiar saudável para se dedicar a criação, esta deixa de ser algo bom e passa a se tornar uma doença.


Se você começou uma criação de canários e está com dificuldade para se desfazer dos filhotes, antes de reiniciar os acasalamentos para a cria do ano seguinte, procure a diretoria de seu clube para obter orientação, certamente eles haverão de buscar uma solução viável. Caso você deseje montar um criadouro a nível comercial, procure realizar um projeto de forma a distribuir as gaiolas criadeiras organizadamente nas quantidades desejadas, já se preparando para acomodar os filhotes nas voadeiras e gaiolas individuais para melhores exemplares de concurso.

Quando realizar o projeto leve em conta a necessidade de pessoal, caso as quantidades pretendidas sejam superiores a sua capacidade de tratar e disponibilidade de tempo. Considere que no caso de contratação você terá as despesas decorrentes dos direitos trabalhistas, pese bem as variáveis no momento de avaliar a viabilidade econômica do projeto.

Nunca saia distribuindo gaiolas pela casa de forma desordenada, o local destinado à criação deverá ficar em apropriado  e separado das dependências destinadas ao seu convívio. Não acumule os filhotes de um ano para outro nas voadeiras. Depois de se desfazer dos filhotes que não servirem para os seus acasalamentos, faça uma limpeza e desinfecção rigorosa nas voadeiras antes de colocar os novos filhotes do ano em curso. Esta regra é básica para que os filhotes não corram risco de contaminação por germes e bactérias que possam estar presentes nas fezes, penas ou restos de comida acumulados.

Lembre-se que os canários vieram fazer parte da sua vida para lhe trazer alegria e satisfação e nunca para trazer preocupação e aflição. Encare a criação de forma leve e descontraída, não deixe que as tarefas decorrentes da criação tirem seu sossego, para tanto, mantenha o numero de gaiolas e exemplares dentro de sua capacidade e disponibilidade de tempo.

Artigo escrito por, Edison Reichling Junior
Publicado na revista UCRP 2014


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
MARTÍN
Administrador
Administrador


Masculino BRASIL
Mensagens : 3177
Pontos : 4782
Idade : 39
CLUBE : KC 286 - SORB
CIDADE/CITY : S. J. do Rio Preto
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://universodoscanario.wixsite.com/criadourouniverso/inicio https://www.facebook.com/criadouro.universo https://twitter.com/udoscanarios https://pinterest.com/universocanario/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Criar canários pode virar uma doença?

Mensagem por DAVI COUTINHO em Dom 06 Jul 2014, 23:11

Boa noite amigos do Universo dos Canários!

Prestemos muita atenção neste artigo e julguemos a nós mesmos, os sintomas estão bem colocados pelo articulista. 
Vamos criar com prazer, mas não deixemos que o amor pelos pássaros transforme-se em paixão, porque paixão é um sentimento desordenado, irracional, e é por esta via que um amante dos pássaros pode transformar-se num problemático acumulador, abandonando as demais atividades da vida, para dedicar-se exclusivamente aos pássaros.

Pelo modesto conhecimento, adquirido nos tinta anos de vida pública, posso afirmar que isto não acontece somente com criadores de canários, cães e gatos; Mais do que se pode imaginar acontece com profissionais de várias áreas da atividade humana.
São empresários, comerciantes, gerentes e outros profissionais de grande sucesso. Pessoas que passam a sofrer um forte sentimento de culpa quando não estão fazendo nada relacionado com seu trabalho. Não admitem o valor do ócio.

A diferença destes é que sua doença não traz consigo mau cheiro dos cães, gatos ou passarinhos, mas são pessoas que tornam-se ranzinzas, mal humoradas, intolerantes com as pessoas de seu convívio e consigo mesmas.
São doentes por trabalho, e quando aposentam precisam fazer psicoterapia para aprender a conviver com ela.
O tema é tão complexo quanto o ser humano, demandaria um artigo muito maior.

"MUITO DAQUILO QUE É BOM, FAZ MAL"

Um abraço a todos;
Davi Coutinho.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
DAVI COUTINHO
CONSULTOR GERAL
CONSULTOR GERAL


Masculino BRASIL
Mensagens : 1182
Pontos : 1381
Idade : 63
CIDADE/CITY : São Paulo
ESTADO/PROVÍNCIA : SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Criar canários pode se tornar uma doença?

Mensagem por DAVI COUTINHO em Seg 25 Jan 2016, 13:28

Bom dia amigos do Universo dos Canários!

Caro Martin, como um artigo destes ficou quase no esquecimento? Mas foi bom trazê-lo à tona. Como bem colocado por nosso articulista, a criação de pássaros e outros animais de estimação em princípio é saudável, todavia é bom ter sob controle sentimentos e atitudes que podem levar a alienação e ao isolamento familiar e social. É importante e prazeroso quando todos gostam e a família cria junto. Mas um fato historicamente comprovado é que a humanidade sempre teve necessidade de conviver e interagir com seus parceiros de viagem nesta grande espaçonave chamada terra.

Consciente ou não, trazemos em nossa bagagem genética informações dos vários estágios da jornada que nos levou à chamada sociedade moderna; e ainda hoje, com toda modernidade, os animais são grandes parceiros do homem; seja como fornecedores de nutrientes que compõe a nossa dieta, produtos usados no vestuário, medicamentos, cosméticos etc...Também estão presentes no trabalho, lazer, e vida afetiva; Animais e pássaros criados para exibição em torneios, competições, esportes olímpicos, trabalho, guarda, companhia, terapia e tantas outras atividades humanas nas quais esta parceria é salutar.

Como toda avaliação deve ser feita à luz do momento e das circunstâncias, a criação de canários não foge a regra, mas acho que o que diferencia o criador e selecionador, do simples acumulador de pássaros, é sobretudo a criação por prazer e a criação por obrigação, pressão psicológica, necessidade de criar para suprir vazios existenciais, ou transferência de carências afetivas para a criação de pássaros e animais; isto acaba sendo prejudicial até para os pássaros e animais, quase sempre convivendo em condições sanitárias insatisfatórias.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
DAVI COUTINHO
CONSULTOR GERAL
CONSULTOR GERAL


Masculino BRASIL
Mensagens : 1182
Pontos : 1381
Idade : 63
CIDADE/CITY : São Paulo
ESTADO/PROVÍNCIA : SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: Criar canários pode se tornar uma doença?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum