O Lizard Azul.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Botão em Curso O Lizard Azul.

Mensagem por MARTÍN em Qui 01 Maio 2014, 20:28

O Lizard Azul é caracterizado pelo fundo branco, sendo esta ave resultante do cruzamento com o canário de cor; outros criadores alegam que foi conseguido através de várias gerações de cruzamentos com canários de forma e posição, nomeadamente o Border Azul.

No seu património genético possui idêntico pigmento melânico ao dos canários de cor, pertencentes à série negra (negro-amarelo, branco e vermelho) com uma única diferença: esse pigmento sobrepõe-se à cor de fundo branca ou amarela.

Estes canários são nada mais que uma sub-variedade do canário dourado e prateado; apareceram ocasionalmente como resultado de um duplo cruzamento e, se encararmos as evidências, parece pouco provável que, geneticamente falando, estes sejam realmente azuis, mas sim de cor ardésia.

No entanto, os Lizard Azuis actuais, após um grande trabalho desenvolvido, são mais reais, devendo-se este facto a uma selecção rigorosa, com a introdução de genes do canário branco e sempre do Lizard com o Border Azul.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Esta variedade infelizmente não é reconhecida pela Associação dos Canários Lizard Inglesa (Lizard Canary Association) porque os Ingleses, conservadores que são, alegam que representa uma introdução indesejável de um sangue estranho numa raça de sangue puro (nota: nos países continentais não existe essa situação, pois são expostos em várias exposições internacionais).

Para os criadores e estudiosos desta raça, na minha opinião, espectacular, passo a especificar o caminho seguido na obtenção do Lizard Azul:


1° Ano

Macho Lizard  x  Border Azul

Machos 50% --- 50% Femeas      
Verde/Lizard --- Verde/Lizard
Azuis/Lizard --- Azuis/Lizard


Nota: neste primeiro acasalamento, os jovens canários apresentam na sua plumagem penas brancas provenientes dos pigmentos lipocromicos (amarelo) existentes na coroa do Lizard.

Muito embora os dois factores provenham de genes diferentes separados no cromossoma sexual, o factor Lizard provém de um gene dum cromossoma somático.

O ideal para iniciarmos este acasalamento deve ser levado a efeito com dois casais ou então um macho para duas fêmeas (evitar a consanguinidade directa); passamos a possuir duas gerações diferentes de canários, muito embora possuam no seu património genético genes do Lizard macho utilizado.

Assim, partimos para a fase seguinte e acasalamos os jovens machos com as fêmeas do segundo casal e os jovens machos do segundo casal com as fêmeas do primeiro casal.

2° Ano

Macho Lizard x Fêmeas Jovens
do 1°Casal ----- do 2°Casal

Machos 50% --- 50% Fêmeas
Azuis/Lizard --- Verde/Lizard
Verde/Lizard --- Azuis/Lizard

Apesar de tudo algumas aves obtidas neste acasalamento possuem manchas lipocromicas em maior ou menor quantidade; estas vão apresentar pela primeira vez, após a muda da pena, maior ou menor quantidade das famosas escamas que referenciam a raça Lizard (desenho dorsal ou spangles e peitoral ou rowlings) e assim temos os primeiros Lizards.

Continuando, ano após ano, a efectuar o acasalamento de aves que apresentam no seu fenotipo menos penas brancas, no 5º ano de cruzamentos estará conseguido o perfeito Lizard Azul.

Uma vez fixado definitivamente o património genético do Lizard, iniciamos uma nova etapa que é a fixação das características raciais idênticas aos dourados (fundo amarelo intenso) e prateados (fundo amarelo nevado):

Cruzamento nº 1

Lizard Dourado (M) X Lizard Azul (F)

25% Lizard Dourados
25% Lizard Prateados
25% Lizard Azul com plumagem abundante (como tal, estrutura nevada)
25% Lizard Azul com plumagem apertada ou cerrada (como tal, estrutura intensa)

Fazendo o cruzamento inverso, o resultado teórico não altera, pois o factor azul é o carácter dominante.
Nota: É importante quando pretendermos realizar estes cruzamentos observarmos a plumagem do Lizard Azul; esta apresenta-se de duas formas:
1- Plumagem abundante que se denomina estrutura nevada
2- Plumagem estreita ou cerrada que se denomina estrutura intensa.

Assim, para este acasalamento, é importante utilizar um Lizard Azul, de estrutura nevada.

Cruzamento nº 2

Lizard Prateado (M) X Lizard Azul (F)


Uma boa parte está explicada no cruzamento nº 1; no entanto, neste cruzamento, obtemos:
Optimo é acasalar o Lizard Prateado com O lizard Azul, este com plumagem estreita e cerrada (intenso).
Qualquer Lizard Azul, com plumagem abundante (estrutura nevada) terá filhos com plumagem abundante (estrutura nevada e alguns com dupla estrutura nevada – aves defeituosas). É pois este o resultado deste acasalamento.

50% Lizard Prateados
50% Lizard Azul


Cruzamento nº 3

Lizard Azul (M) X Lizard Azul (F)


50% Lizard Azul a factor simples
25% Lizard Azul a duplo factor (aves que morrem no embrião, sendo as sobreviventes defeituosas e geralmente muito fracas –sempre adoentadas)
25% Lizard Dourados e Prateados, com plumagens curtas e outras penas compridas

Nota: este acasalamento não é aconselhável uma vez que o factor azul é de carácter dominante, originando a que, quando se apresenta geneticamente como duplo factor, seja sub-letal, ocasionando o acima mencionado.

Este acasalamento ao ser efectuado torna-se por parte do criador um desafio para não correr riscos elevados, sendo necessário saber-se dois aspectos:
-a intensidade da cor de fundo (intensa ou nevada)
-a estrutura das penas (curtas ou compridas)


Cruzamento nº 4

Lizard Dourado (M) X Lizard Dourado (F)


25% Lizard Dourado a duplo factor intensivo –aves defeituosas
50% Lizard Dourado com defeitos de forma (cabeça achatada, peito estreito e plumagens volumosas)
25% Lizard Prateado com plumagem discreta.

Este cruzamento serve apenas para procurarmos obter alguns Lizard Prateados, de plumagem perfeita e desenho dorsal nítido (spangler); quanto aos Dourados, apresentam normalmente plumagens defeituosas e o peito saliente e estreito.

Nota: nos canários de postura existe apenas o factor dominante nos Canários Brancos, sejam eles lipocromicos ou melânicos.

Coloração Artificial

Quanto à coloração artificial, ao contrário do referenciado por muitos intervenientes no fórum, está autorizada, pelo que passa a ser opção dos criadores (ver Manual do Colégio Nacional de Juízes – FONP) e normas da COM aprovadas em 26-27-28 de Abril de 1991 em congresso realizado em Porrentruy, na Suíça, com a presença dos seguintes países: Suíça, Reino-Unido, França, Alemanha, Bélgica, Holanda, Itália e Espanha.
Foi aprovada por maioria de votos a coloração artificial nos canários Lizard (dourados e prateados, cor vermelha ou amarela) tendo apenas a Itália votado contra.
Assim significa que nas exposições onde não exista separação de classes possam concorrer em pé de igualdade com aqueles que não foram coloridos artificialmente.

Nota: presentemente, a Itália já adoptou esta medida, pois nas suas exposições tem as seguintes divisões de classe:
-Lizard coloridos artificialmente (cor vermelha)
-Lizard cor natural (amarelo)
-Lizard fundo branco (azul)


Método de Coloração Artificial praticada por mim para os que quiserem evoluir

Canários Dourados e Prateados

Para reforçar a cor de fundo amarela a praticar no início da muda:
- 1 Kg de papa húmida Biancofiore
- 10g de Orlux Amarelo – Yel-Lux (colorante à base de luteína)
- 10g de Quikon – seaweed powder (pó) ou Algavit
- 5g de Spirulina (biológico para seres humanos)
- 100g de cânhamo em pó
- Folhas ao natural (polygonum auberti)
- Luz solar pelo menos 2 horas de manhã e 2 horas à tarde
- Flor do Cravo-da-India amarela conforme imagem –administrar apenas as sementes

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Canários Dourados e Prateados
Para reforçar a cor de fundo vermelha a praticar no início da muda:
- 1 Kg de papa húmida Biancofiore
- 10g de Quikon – seaweed powder (pó) ou Algavit
- 5g de Spirulina (biológico para seres humanos)
- 5 a 7,5g de Carofil Red
- 100g de cânhamo em pó
- 50g de trigo sarraceno reduzido a pó
- Folhas ao natural (polygonum aubertii)
- Luz solar pelo menos 2 horas de manhã e 2 horas à tarde
- Flor do Cravo-da-India vermelha conforme imagem –administrar apenas as sementes

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Como últimas notas, verificamos que o comportamento genético do Lizard em acasalamentos com canários não-Lizard (exemplo: com canários de cor) é recessivo, o que quer dizer que somente acasalando Lizard X Lizard obteremos na 1ª geração Lizard puros.
A foto destas plantas (ver imagem) foi obtida no meu jardim e são um regalo para os canários e pintassilgos.
Estas experiências são fruto de estudo e dedicação a esta maravilhosa raça criada por mim e divulgada ao longo de 30 anos em exposições com resultados positivos, contribuindo para a sua divulgação em Portugal, quando ainda apenas existia a Associação de Avicultores de Portugal.


Fonte: Carlos Almeida Lima
Juíz CNJ/OMJ


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
MARTÍN
Administrador
Administrador


Masculino BRASIL
Mensagens : 3152
Pontos : 4735
Idade : 39
CLUBE : KC 286 - SORB
CIDADE/CITY : S. J. do Rio Preto
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://universodoscanario.wixsite.com/criadourouniverso/inicio https://www.facebook.com/criadouro.universo https://twitter.com/udoscanarios https://pinterest.com/universocanario/ fabio-martin@hotmail.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: O Lizard Azul.

Mensagem por ARNALDO em Sab 09 Ago 2014, 02:37

PARABÉNS !!!  ACHEI MUITO BOM.

ARNALDO
Sou Novo no Fórum
Sou Novo no Fórum


Masculino BRASIL
Mensagens : 1
Pontos : 1
Idade : 54
CIDADE/CITY : Santos
ESTADO/PROVÍNCIA : SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum