A história das anilhas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Botão em Curso A história das anilhas

Mensagem por Francisco C. Bom em Qua 10 Jul 2013, 10:52

Ola amigos

Um pequeno resumo sobre a história da anilhagem

Fontes: anilhagemdeaves.weebly.com e wikipedia.org

A Primeira sugestão do uso de marcação de aves para fins científicos foi feira por C. Millet, em 1866. Este propunha marcar aves com tecido colorido, mas suas propostas não foram bem aceitas. Não se tinha ainda considerado a possibilidade de marcar individualmente cada ave,  para monitorizar os seus movimentos.

A anilhagem sistemática de aves par fins científicos foi iniciada por Hans Christian Mortensen, um professor dinamarquês. Em 1890, marcou dois Estorninhos (Sturnus vulgaris) com anilhas de zinco, mas ao observá-los constatou que estas eram muito pesadas. Em junho de 1899 (data considerada como o início da anilhagem cientifica de aves) começou  a anilhar Estorninhos com anilhas de alumínio.

O primeiro centro nacional de anilhagem foi o Vogelwarte, na Alemanha, em 1903. O exemplo foi seguido pela Hungria (1908), Reino Unido (1909), Iuguslávia (1910), Holanda (1911), Suécia (1911), Dinamarca (1914) e Noruega (1914).


Sobre o anilhamento em canários,

Em 1947, devido a dificuldade de encontrar anilhas para marcar os pássaros, o militar e criador de canários  Sr. Luiz Pereira da Silva começa a fabricar anilhas apenas para o consumo.

Em 1960 ocorreram as primeiras vendas de anilhas para criadores de canários.

Em 1975 inicia-se a produção de anilhas para a FOB e para o antigo IBDF atual IBAMA.

Informações retiradas do site das Anilhas Capri (com autorização da empresa)

Quanto ao uso de anilhas em canário, gostaria que, caso algum amigo aqui do UdC. Saiba mais, por favor divida conosco as informação.

Já fiz essa pergunta a vários sites, mas até agora não obtive nenhuma resposta.

abraços
avatar
Francisco C. Bom
EX-MODERADOR
EX-MODERADOR


Masculino BRASIL
Mensagens : 1799
Pontos : 2139
Idade : 64
CLUBE : COCAD
CIDADE/CITY : Santo André
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/francisco.c.bom

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: A história das anilhas

Mensagem por MARTÍN em Ter 10 Set 2013, 15:14

Muito legal Francisco obrigado por compartilhar a informação.

Veja como é simples entender o que vem escrito nas anilhas FOB - Federação Ornitológica Brasileira.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
MARTÍN
Administrador
Administrador


Masculino BRASIL
Mensagens : 3175
Pontos : 4780
Idade : 39
CLUBE : KC 286 - SORB
CIDADE/CITY : S. J. do Rio Preto
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://universodoscanario.wixsite.com/criadourouniverso/inicio https://www.facebook.com/criadouro.universo https://twitter.com/udoscanarios https://pinterest.com/universocanario/ fabio-martin@hotmail.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: A história das anilhas

Mensagem por Marcos P. Duarte em Dom 15 Set 2013, 15:53

Alguém sabe dizer qual país foi o pioneiro em anilhar canários?


mpduarte
avatar
Marcos P. Duarte
Membro
Membro


Masculino BRASIL
Mensagens : 18
Pontos : 20
Idade : 64
CIDADE/CITY : São Caetano do Sul
ESTADO/PROVÍNCIA : SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: A história das anilhas

Mensagem por MARTÍN em Dom 15 Set 2013, 16:50

O primeiro centro nacional de anilhagem foi o Vogelwarte, na Alemanha, em 1903. O exemplo foi seguido pela Hungria (1908), Reino Unido (1909), Iuguslávia (1910), Holanda (1911), Suécia (1911), Dinamarca (1914) e Noruega (1914).
Marcos veja este trecho do artigo postado pelo amigo Francisco logo acima.


Última edição por MARTÍN em Dom 15 Set 2013, 19:38, editado 1 vez(es)


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
MARTÍN
Administrador
Administrador


Masculino BRASIL
Mensagens : 3175
Pontos : 4780
Idade : 39
CLUBE : KC 286 - SORB
CIDADE/CITY : S. J. do Rio Preto
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://universodoscanario.wixsite.com/criadourouniverso/inicio https://www.facebook.com/criadouro.universo https://twitter.com/udoscanarios https://pinterest.com/universocanario/ fabio-martin@hotmail.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: A história das anilhas

Mensagem por Francisco C. Bom em Dom 15 Set 2013, 17:44

Ola amigos

Martín, estas anilhagem eram para estudos das migrações das aves.

Marcos, Tentei muito descobrir,  mas infelizmente não decobri, cheguei até mesmo a postar esta pergunta em fórum da Europa, mas a resposta que obtive foi uma pergunta, ¨para que você quer saber isto¨, foi a resposta.

Mandei alguns e-mails mas sem respostas até agora.

abraços
avatar
Francisco C. Bom
EX-MODERADOR
EX-MODERADOR


Masculino BRASIL
Mensagens : 1799
Pontos : 2139
Idade : 64
CLUBE : COCAD
CIDADE/CITY : Santo André
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/francisco.c.bom

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Anilhas: Significado e Utilidade

Mensagem por MARTÍN em Seg 13 Jan 2014, 23:14

As anilhas podem ser comparadas ao chip que se introduz nos cães. São o Bilhete de Identidade das aves e fazem a ponte entre o animal e toda a informação que a ele está associado. Vulgarmente vistas em exemplares nascidos em cativeiro, são também aplicadas em exemplares selvagens para estudos biológicos. As anilhas são uma mais-valia para um criador que consegue assim controlar de forma mais eficaz as suas aves.

Anilha fechada

As anilhas oficiais são anéis invioláveis que permitem a identificação da ave e a não falsificação da sua identidade. As anilhas oficiais vêm com a inscrição do ano, número do criador (STAM), número da anilha e do país. A cor da anilha varia conforme o ano de nascimento da ave. É necessário ser-se sócio de um clube ou associação de criadores para poder ter acesso a estas anilhas. As encomendas são feitas por ano, mas geralmente há mais do um período em que possa requisitar as peças.

Apesar de o principal objectivo das anilhar ser garantir que as aves não foram capturadas da natureza, existem casos em que as pessoas recolhem animais ainda não saídos do ninho para os criar à mão e anilhar. Prática que não só é ilegal, mas que também prejudica a população de aves em liberdade, pondo em causa a sobrevivência da espécie, o que deveria ser inaceitável para qualquer amante de aves.

A ausência de anilha não significa também que a ave tenha sido capturada da nossa fauna. Por vezes criadores inexperientes não colocam a anilha a tempo nos bebés. Noutros casos, pessoas que não pertencem a uma Associação de Criadores e que por isso não têm acesso a anilhas, têm ninhadas inesperadas. Para além disso, o uso de anilhas só é obrigatório para aves cujo comércio é regulado. Para as aves de comércio livre, a anilha fechada não é obrigatória, muito embora os criadores optem na mesma por anilhar a ave, não só devido às vantagens que traz em termos de controlo dos indivíduos, mas também porque, por norma, as aves têm de estar anilhadas para poderem participar em exposições.

Existem anilhas fechadas não oficiais que podem ser encomendadas em lojas de animais. São geralmente em alumínio, mas necessitam na mesma de ser introduzidas nas aves enquanto jovens. São utilizadas por criadores que não estão associados a clubes de aves. A maioria das lojas de animais dispõe já de anilhas fechadas para venda.

Anilhas abertas

Existem anilhas de metal ou coloridas que são colocadas nas aves e que servem para informar o criador acerca das características das aves. É comum ver aves com anilhas oficiais numa pata e uma anilha aberta na outra. Estas anilhas podem ser colocadas em qualquer altura da vida da ave e ao contrário das anilhas fechadas podem ter por exemplo informação sobre o sexo da ave, quem escolheu como parceiro, diferenciar as ninhadas nascidas no mesmo ano de progenitores diferentes mas da mesma espécie, entre outros.


Outras anilhas

No comercio de aves, as anilhas são a forma legal de comprovar que uma ave foi criada em cativeiro. Contudo não são apenas os pássaros de cativeiro que são legalmente anilhados. Existem investigadores que se dedicam a anilhar as aves da nossa fauna para fins científicos, por isso não se admire se encontrar aves que não podem ser mantidas em cativeiro, capturadas ou comercializadas com anilhas de metal ou de cor. Estas anilhas têm objectivos completamente diferentes das anilhas oficiais de associações de criadores. Com elas, os investigadores pretendem conhecer as rotas migratórias e esperança média de vida das aves, entre outros dados de estudo sobre as populações autóctones. Ao contrário do que algumas pessoas podem inicialmente pensar, estas aves não foram criadas em cativeiro e posteriormente libertadas, nem se encontram fugidas. São aves indígenas, apanhadas por pessoas qualificadas para tal através de redes finas, anilhadas e depois libertadas. Quando estas aves morrem ou são novamente capturadas por cientistas, os dados da anilha permitem identificá-la, dando aos cientistas informações valiosas sobre o seu paradeiro, longevidade, etc.

Cuidados

As anilhas têm diferentes tamanhos, podendo variar entre os 2 mm de diâmetro até aos 14 mm. Existem listas nas associações de criadores que indicam o tamanho da anilha indicada para determinada espécie. As aves que recebam anilhas não adequadas podem desenvolver problemas nas patas.

As anilhas são geralmente coloridas, o que atrai a atenção dos progenitores. Estes pais protectores tentam muitas vezes arrancar as anilhas à bicada por a verem como um objecto ameaçador. No processo podem causar graves danos na pata da ave. Para impedir este comportamento basta aplicar uma fita adesiva na cor mais semelhante ao tom da pata em volta da anilha. Depois, quando a ave crescer, retira-se a fita. Outro truque é pintas a anilha com tinta não tóxica, mas os criadores podem perder a informação da cor que pode ser importante futuramente.

Quando colocar a anilha fechada?

A anilha fechada deve ser colocada enquanto a ave é pequena, de forma a conseguir passar pela pata. Quando a ave cresce, a anilha já não pode ser inserida ou removida sem ser aberta ou sem danificar a pata do animal.

A idade em que a anilha deve ser inserida depende do ritmo de desenvolvimento da cria, mas geralmente introduz-se o anel quando a ave tem entre 5 a 9 dias. Em caso de dúvida, é preferível introduzir mais cedo do que tarde demais. Se colocar a anilha cedo demais, a anilha cai e terá de a introduzir outra fez. Se esperar demasiado tempo, pode já não conseguir introduzir a anilha sem causar danos no animal.

A anilha tem de passar pelos dedos da ave para se alojar entre o joelho e a pata. Todos os dedos devem ser esticados para a frente, com excepção do dedo de trás que deve ser estendido na direcção contrária. A anilha deve deslizar sem forçar a pata do animal.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Antes de iniciar um tópico ou começar sua participação em nosso fórum, pedimos que leia:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Veja os [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Como Postar[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.];
 
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
 

avatar
MARTÍN
Administrador
Administrador


Masculino BRASIL
Mensagens : 3175
Pontos : 4780
Idade : 39
CLUBE : KC 286 - SORB
CIDADE/CITY : S. J. do Rio Preto
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://universodoscanario.wixsite.com/criadourouniverso/inicio https://www.facebook.com/criadouro.universo https://twitter.com/udoscanarios https://pinterest.com/universocanario/ fabio-martin@hotmail.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Anilhas significado e utilidades.

Mensagem por DAVI COUTINHO em Ter 14 Jan 2014, 01:56

Caro Francisco e amigos do Universo dos Canários;

É muito interessante essa história das anilhas, e a importancia delas é fundamental para controle da genética do plantel.
Eu mesmo tenho registro bastante antigo dos genitores dos meus canários.

Quanto a época em que se começou a anilhar aqui no Brasil, temos registros de que já se anilhavam canários rotineiramente em 10 de outubro de 1953, quando foi fundado o Clube dos Criadores de Canarios de Cor, que fica aqui em São Paulo, tem séde própria na Rua Silvia de Mello, perto da Av Ricardo Jafet na região do Ipiranga, conhecido como 4C e funciona até hoje.

Tambem o Roller Clube de São Paulo, ao qual estou filiado, foi fundado em 1955, e consta em seus estatutos que os sócios só podiam anilhar exclusivamente canários Harzer Roller de de canto clássico com as anilhas do clube.
Anterior ainda a estes havia a UCRB - União dos Criadores de Roller do Brasil, fundado por volta de 1950, e teve como fundador, entre outros, o Sr Armando Rodrigues e o comendador Almeida Prado, esse clube foi o antecessor do Roller Clube de São Paulo. Esses dados foram tirados dos estatutos de fundação dessas entidades.
A FOB organizou o ano passado o seu 62º campeonato Brasileiro, o que significa que o primeiro foi em 1953, já com canários anilhados.
Não posso dizer com precisão quem fabricava essas anilhas mas elas eram fabricadas aqui em São Paulo.

O interessante é que no início da canaricultura no Brasil era predominante o canário Harzer Roller de canto clássico, que deu origem a UCRB, depois veio o canário de cor e foi tomando o seu lugar a ponto de quase levá-lo a extinção. Hoje em consequência de um trabalho de divulgação do qual tive a honra de participar, o canário de canto clássico pode ser encontrado em quase todo o sul e sudeste do país.

Esses belos pássaros tem muita história pelo mundo afora meus amigos!

Um abraço a todos;
Davi Coutinho;
Criadouro Topázio.
avatar
DAVI COUTINHO
CONSULTOR GERAL
CONSULTOR GERAL


Masculino BRASIL
Mensagens : 1181
Pontos : 1380
Idade : 63
CIDADE/CITY : São Paulo
ESTADO/PROVÍNCIA : SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Botão em Curso Re: A história das anilhas

Mensagem por Francisco C. Bom em Ter 14 Jan 2014, 09:30

Bom dia amigos.

Ola Davi, muito interessante os dados que  incluiu neste tópico, venho tentando pesquisar sobre o assunto a mais ou menos dois anos, devido a falta de informações havia deixado de lado esta pesquisa, mas com sua postagem me deu animo para recomeça-la. 

abraços
avatar
Francisco C. Bom
EX-MODERADOR
EX-MODERADOR


Masculino BRASIL
Mensagens : 1799
Pontos : 2139
Idade : 64
CLUBE : COCAD
CIDADE/CITY : Santo André
ESTADO/PROVÍNCIA : São Paulo

Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/francisco.c.bom

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum